ICI supera expectativas e atinge captação de mais de R$ 3 milhões para produção de projetos artísticos e culturais que acontecerão em 2022

28 de Dezembro de 2021

O Instituto Cultural Ingá (ICI) começou o ano de 2021 com altas expectativas para as captações, mas os números foram surpreendentes, graças ao empenho e dedicação da diretoria, empresas parceiras e equipe. Este ano, o ICI já superou a incrível marca de R$ 3 milhões em captação de recursos para realização de projetos artísticos culturais em Maringá e região, os quais serão executados no próximo ano. Praticamente o dobro do resultado de 2020, quando foram captados R$ 1,6 milhões. 


Os recursos captados são referentes à destinação de empresas aos projetos culturais apoiados pelo ICI. Tanto por renúncia fiscal, por meio da Lei Nacional de Incentivo à Cultura, quanto por patrocínio direto. Projetos esportivos também foram beneficiados, embora essa não seja a área de atuação do Instituto. Nessa modalidade, mais de R$ 100 mil foram aportados.  


O ICI conta com dezenas de empresas parceiras que entenderam o propósito e a importância da Cultura, e investiram na Economia Criativa. São dezenas de projetos que entrarão em fase de execução nos mais variados segmentos: teatro, circo, música, literatura, audiovisual e patrimônio.


“Celebramos esse grande resultado com muita alegria e satisfação.  É a demonstração do belo trabalho que a entidade vem consolidando ao longo de uma década. Este ano, de forma surpreendente, em especial. O ICI é peça-chave para o desenvolvimento da Cultura local, unindo os setores econômicos e os artistas. A participação de todos os nossos vice-presidentes, que não mediram esforços para abrir portas e sensibilizar novos investidores, foi decisiva. O resultado não poderia ser diferente”, comemora o presidente do ICI, George Coelho.


O consultor estratégico do ICI, Miguel Fernando, destaca que esse resultado comprova a importância da entidade para a cidade. “Nossa tecnologia social comprovou sua importância para a cadeira criativa de Maringá. Vimos, mais uma vez, a confiança no trabalho de mediação feito pelo ICI em todas as etapas dos projetos artísticos e culturais, tanto por parte dos patrocinadores, quanto dos artistas”, enfatizou. 

 

Para 2022, o ICI prepara grandes ações. “Estamos animados com o resultado deste ano e já desenvolvendo um planejamento para dar ainda mais ênfase ao trabalho do ICI no ano que vem, estreitando mais o relacionamento com empresas e instituições parceiras, atendendo aos produtores e buscando novas oportunidades para potencializar ainda mais a Economia Criativa de Maringá e região”, disse o consultor Sênior do ICI, Alan Gaitarosso. 

 

CONHEÇA OS PROJETOS APOIADOS PELO ICI 

 

Quando o Silêncio Mata - Eliton Oliveira

Do Nazismo à Terra Vermelha - Maringá Histórica Merkabah - Associação Cultural Lírius Sobre Nós - Cosmos Filmes

Tributo ao Rock Progressivo - Graziani Moraes

A Descoberta do Eldorado - Maringá Histórica

Escala Cultural - 2 Coelhos Comunicação e Cultura

Banda Sinfônica - Associação Cultural Branca da Mota Fernandes

Auto de Natal - Associação Cultural Lírius

Paixão de Cristo - Associação Cultural Lírius

Sobre Nós II - Cosmos Filmes

Só em Cena - 2 Coelhos Comunicação e Cultura

Docudrama Dependência Digital - Instituto CooperCard

 

ICI

 

O Instituto Cultural Ingá (ICI) é uma agência de fomento e incentivo à Cultura que alinha projetos a empresas de Maringá e região, que podem reverter parte dos impostos em projetos artísticos e culturais locais. Trata-se de uma entidade sem fins lucrativos que atua em três frentes: gestão e políticas culturais, mercado artístico e visão social. A instituição ainda promove ações formativas para qualificar e profissionalizar os agentes do mercado criativo regional, sempre de forma gratuita. 


Você também pode gostar

Instituto Cultural Ingá lamenta morte de Maurício Borges, pai da bailarina Magó
O Instituto Cultural Ingá (ICI) lamenta profundamente a morte do publicitário Maurício Borges, pai da bailarina Magó. Ele foi um grande incentivador no campo das artes e sempre esteve envolvido em ações culturais da cidade. Borges foi vítima de um acidente de trânsito no...
Pesquisa revela perfil do leitor na Bienal de São Paulo
A pesquisa Retratos da leitura em eventos do livro e literatura, parceria entre Itaú Cultural e Instituto Pró Livro (IPL), revelou o perfil do leitor na 26ª Bienal internacional do livro de São Paulo: mais presença de mulheres e jovens e maior influência das redes sociais ...
Curso de extensão “Realidade expandida nas artes"
O curso de extensão Realidade expandida nas artes – parceria do Instituto de Ensino e Pesquisa (Insper) com o Itaú Cultural – apresenta os principais usos de realidade virtual e aumentada no contexto das artes e como podem ser criados modelos de experiências virtuais util...