7º Saia na Roda ocupa a Casa Luanda com oficinas e apresentações gratuitas nos dias 27 e 28

16 de Abril de 2024

Nos dias 27 e 28 de abril a Capoeira Angola Dinda realiza a sétima edição do encontro Saia na Roda – Capoeira Angola e Cultura Popular. O evento terá oficinas de capoeira angola, musicalidade da capoeira, samba de roda corrido, tambor de crioula, roda de conversa e apresentações artísticas. Todas as ações são gratuitas e acontecem na Casa Luanda, nova sede do grupo, fundada em 2022, e que tem se tornado um ponto cultural afro-brasileiro de referência na cidade de Maringá, mantido de forma independente por três coletivos.

“Esse evento surgiu em 2015 com a ideia de reunir mulheres protagonistas da cultura popular para a transmissão do conhecimento, exatamente por essa falta que nós temos de referências femininas dentro de uma liderança”, explica a produtora e diretora do projeto, Mariana Rodrigues da Silva, a Contramestra Maré, que sempre realizou essa ação de forma independente.

O objetivo, então, é trazer essas mulheres para transmitir conhecimento e expandir as referências, as pessoas com as quais outras mulheres possam se identificar para seguir a caminhada na cultura popular. “A primeira edição trouxe pessoas da nossa região. Sempre foi um encontro pequeno, mais regional, entre Maringá, Londrina e cidades do entorno. Depois, esse encontro se tornou anual e foi ganhando corpo e a gente começou a trazer algumas mestras de fora, como a Mestra Elma, que é maranhense, mas mora em Florianópolis. Logo depois veio a pandemia, fizemos pequenos encontros, mas no pós-pandemia a gente não conseguiu mais se reunir”, lembra a contramestra Maré. Agora o encontro pôde ser retomado graças ao incentivo do Prêmio Aniceto Matti, da Secretaria Municipal de Cultura, que possibilitou trazer duas mestras de longe.

“Esse ano nós vamos receber a Mestra Di, que é de Olinda/Pernambuco, que é afro-pernambucana, muito reconhecida, muito respeitada. Ela traz oficinas de capoeira angola. Teremos a Mestra Dandara, uma mulher preta maranhense que reside em Salvador e traz muito a influência da encantaria maranhense para dentro da capoeira. Ela dará oficinas de capoeira angola e tambor de crioula. Além disso, teremos trocas com as produtoras da cidade, com apresentações culturais do Baque Mulher, Anjos da Guarda e Capoeira Angola Dinda”, anuncia a produtora.

As atividades são abertas a todas as pessoas, com classificação livre, no limite de 50 vagas para cada oficina.

 

Programação:

Dia 27 (Sábado)

8h – Café da manhã

9h30 – Oficina de Capoeira Angola com Mestra Dandara

Roda de Capoeira

(12h30 Almoço)

14h30 – Oficina de musicalidade

15h30 – Oficina de Capoeira com Mestra Di

17h – Roda de Capoeira

Café da tarde

19h – Samba de Roda com Fernanda Machado

21h – Tambor de Crioula com Mestra Dandara

Vadiagem

 

Dia 28 (Domingo)

8h – Café da manhã

9h – Treino com as mestras

11h – Roda de encerramento

15h – BATUCAJÉ

- Roda de Capoeira Angola

- Bumba meu boi Anjos da Guarda

- Maracatu Baque Mulher

- Pé de Laranjeira

 

Ficha Técnica:

Mariana Rodrigues da Silva - Produção e Direção

Laís Fialho - Produção Executiva

Daniara Thomaz - Assistente de produção

Nathalia Kodama - Assistente de produção

Stefany Lima - Assistente de produção

Ana Rodes - Fotografia e Audiovisual

Rachel Coelho (2 Coelhos Comunicação e Cultura) - Assessoria de Imprensa

Felipe Halison (IDX Produções Artísticas) - Designer Gráfico

Elisa Maranho - Comunicação

Eunice Thomaz – Cozinha

 

Produzido com verba de Incentivo à Cultura

Lei Municipal de Maringá n.º 11200/2020

Prêmio Aniceto Matti

Você também pode gostar

1ª Zine Ingá terá exposição, debates e oficinas gratuitas nos dias 8 e 9 de junho
O zine é uma forma de publicação artesanal que, desde os anos 1970, tem sido escolhida por muitos artistas brasileiros, em especial os iniciantes e à margem do mercado editorial, para expressar suas ideias, poemas, letras de música, fotografia, colagem, desenho, entre out...
Documentário sobre a comunidade surda de Maringá está disponível no YouTube
Após sua estreia presencial no CineSesc no dia 3 de maio, o documentário “Uma história em muitas mãos” agora está disponível no YouTube, no canal do Maringá Histórica. Com roteiro de Miguel Fernando e direção de Thayse Fernandes e Daniele Miki, a obra aborda even...
Grupo Batucar promove espetáculo musical utilizando instrumentos não convencionais
No próximo dia 24, o grupo Batucar estreia seu segundo espetáculo musical em Maringá, intitulado “Arritmia”, promovendo seis apresentações gratuitas nos dias 24, 25, 26 e 31 de maio e 01º e 02 de junho, sempre às 20h, na A Toca Espaço Cultural. A proposta é ressig...