Centro Cultural Sucena abre inscrições para oficina de confecção de berimbau

11 de Abril de 2024

O projeto FICCAB - Festival Infantil de Capoeira e Cultura Afro-brasileira, realizado pelo Centro Cultural Sucena por meio do Prêmio Aniceto Matti, está com inscrições abertas para a oficina de confecção de berimbau. A oficina acontece no dia 14 de abril, a partir das 10h, no Parque do Ingá. Para participar é necessário fazer inscrição, pois foram disponibilizadas 70 vagas. A classificação é livre, mas crianças e adolescentes menores de 18 anos precisam estar acompanhados de um responsável.

O berimbau é um instrumento musical de corda bastante conhecido no Brasil por ser um dos elementos centrais das rodas de capoeira, definindo os ritmos da roda. Na oficina também será possível conhecer sua história e sua importância. Os ministrantes da oficina são o Mestre Chuppim e o Contramestre Índio, que optaram por passar o conteúdo em uma carga horária de 6 horas.

 

Essa é a segunda edição deste projeto e teve início em fevereiro com aulas gratuitas de capoeira. O encerramento será em 15 de junho no Teatro Reviver Magó com a realização do festival em si, apresentando os resultados de todas as oficinas desenvolvidas ao longo do semestre.

Durante o festival também haverá oficinas de capoeira para o público infantil e para profissionais que trabalham ou desejam trabalhar com este público. Entre os convidados especiais para ministrar essas oficinas, estão Mestre Bamba e Mestra Valdira Barros, de São Luís, no Maranhão, Mestranda Iuna /PR e professor Amendoim, de Maringá.

 

O objetivo do projeto é promover a cultura afro-brasileira para crianças e adolescentes, por meio da capoeira e das danças afro-brasileiras. A coordenação do projeto é do Mestre Chuppim. “A importância desse projeto para crianças e para a comunidade é a transmissão de valores e de conhecimentos ancestrais, promovendo a inclusão social através da arte e da cultura e proporcionando às novas gerações a nossa arte genuinamente brasileira. Além de que, nem todas as crianças da comunidade em geral tem acesso à cultura da capoeira e o projeto oferece aulas gratuitas e atividades coletivas que ampliam seus conhecimentos. A oficina de confecção de berimbau, por exemplo, é uma oportunidade de adquirir conhecimento, mas também de ter este instrumento, que é símbolo da capoeira no Brasil e no mundo, e incentivar eles a continuarem na arte e na cultura”, comenta o coordenador.

  

 

 

Serviço:

 

Oficina de Confecção de Berimbau com Mestre Chuppim e Contramestre Índio

 

Dia 14 de abril, às 10h, no Parque do Ingá

 

Classificação Livre, 70 vagas.

 

Carga horária: 6h

 

Link de inscrição: https://forms.gle/m5EBPqrhfkxePmrt6

 

 

Produzido com verba de incentivo à Cultura

Lei Municipal de Maringá n.º 11200/2020

Prêmio Aniceto Matti

 

Você também pode gostar

1ª Zine Ingá terá exposição, debates e oficinas gratuitas nos dias 8 e 9 de junho
O zine é uma forma de publicação artesanal que, desde os anos 1970, tem sido escolhida por muitos artistas brasileiros, em especial os iniciantes e à margem do mercado editorial, para expressar suas ideias, poemas, letras de música, fotografia, colagem, desenho, entre out...
Documentário sobre a comunidade surda de Maringá está disponível no YouTube
Após sua estreia presencial no CineSesc no dia 3 de maio, o documentário “Uma história em muitas mãos” agora está disponível no YouTube, no canal do Maringá Histórica. Com roteiro de Miguel Fernando e direção de Thayse Fernandes e Daniele Miki, a obra aborda even...
Grupo Batucar promove espetáculo musical utilizando instrumentos não convencionais
No próximo dia 24, o grupo Batucar estreia seu segundo espetáculo musical em Maringá, intitulado “Arritmia”, promovendo seis apresentações gratuitas nos dias 24, 25, 26 e 31 de maio e 01º e 02 de junho, sempre às 20h, na A Toca Espaço Cultural. A proposta é ressig...